segunda-feira, 20 de abril de 2009

NIPOST 02 - Bōsōzoku

nipost bosozoku_jumpsuits02

Nesse Nipost vou falar de algo que, se não viesse lá do Japão, daquela terra maravilhosa, onde o sol é mais brilhante, onde as cerejeiras são mais floridas e onde tentáculos são objetos sexuais; eu provavelmente não daria a mínima. Estou falando dos Bōsōzoku.

 Bōsōzoku  são, trocando em miúdos, gangues de motociclistas japoneses. Pensem em algo estilo Hell Angels só que... mais bizarro! A moda  bōsōzoku começou por volta de 1960 quando houve uma grande explosão na indústria automotiva japonesa. E como tudo lá naquelas bandas logo virou mania nacional. Seu auge ocorreu em 1982 quando era estimado que 42.510 pessoas faziam parte dessas gangues, a idade média de seus integrantes era de aproximadamente 16 a 19 anos; o que ficava abaixo da maioridade japonesa que é de 20 anos. Por um bom tempo os bōsōzoku foram realmente um problema nacional (assim como também foram os drifters, mas isso é assunto para outro Nipost), causando sérios acidentes de trânsito, fazendo muita baderna nos grandes centros (vocês conseguem imaginar japoneses fazendo baderna?), e na pior das hipóteses, executando trabalhos para a Yakusa.

tnr0711161704010-p1

bousou2

ph600014

bousou03

 Mas como toda moda passa e com os Bōsōzoku não foi diferente. Depois de seu pico, a febre foi gradativamente diminuindo ano a ano até chegarmos em 2004, quando várias leis realmente severas foram postas em vigor, dando o golpe final de Katana nos rebeldes. Segundo essas leis, mais de duas motocicletas juntas já constituiria uma infração podendo os infratores serem presos por dois anos, pagarem uma multa de 50 milhões de ienes (não faço idéia de quanto isso vale em Reais) e ainda suspensão definitiva da carteira de motorista. Com todas essas medidas, em 2005 não havia mais de 15.086 membros das gangues bōsōzoku, os que sobraram passaram a andar na lei, não praticando mais atos de vandalismo ou violência, praticamente se resumindo a meia dúzia de velhotes posers.

Em seu auge, as gangues bōsōzoku eram realmente muito fortes. Havia centenas delas e todas brigavam entre si. Nós aqui do ocidente vimos um pouco disso no anime Akira, mais especificamente em seu início onde a gangue do Kaneda lutava contra a gangue dos palhaços (que realmente existiu). Dentre os vários costumes desses rebeldes, o que mais se destacava eram seus uniformes, um tipo de roupa militar japonesa parecida com um quimono aberto e com várias inscrições e símbolos bordados nas costas, para completar o visual normalmente eram usadas botas, calças militares e camisas t-shirt por debaixo. Claro que isso não era regra, podendo cada gangue criar seu próprio estilo. Era comum também o uso de máscaras, ataduras no peito e nos braços, óculos de sol e muito gel para formar o topetão estilo Grease que muitos usavam. Esses uniformes eram chamados de Special Attack Uniform, que também era o nome dado ao uniforme dos pilotos Kamikaze.

akira5

110120222830471081012753124679860m3

ml_589094ss

Um outro ponto ainda mais marcante nos Bōsōzoku era o que nós hoje conhecemos como tuning,  que é a customização e modificação de veículos automotivos. A grande diferença entre o que era feito pelos Bōsōzoku e o que é feito hoje está no significado das modificações, cada gangue tinha seu próprio estilo de tuning, assim como cores, desenhos, símbolos, modelos de moto e bandeiras que eram presas atrás das motos, esse conjunto de particularidades diferenciava uma gangue das outras e dava a seus integrantes a tão sonhada sensação de individualidade (ainda que eles estivessem em grupo, esse grupo era menor do que a estereotipação geral de todas as classes da sociedade, o que é bem comum por lá)  que eles tanto procuravam.

Mas de todos os acessórios usados pelas gangues, o mais importante eram suas armas, elas poderiam variar desde bastões de baseball, canos, espadas e facas até Coquetéis Molotov. Cada gangue tinha sua arma típica e normalmente o líder da gangue tinha uma arma especial, apesar disso não ser uma regra. O ritual de iniciação também não era uma regra, mas era adotado pela maioria das gangues.

711

Gsx400e

bosozoku_bike02

Cb400n

Antes de morrer, a febre Bōsōzoku ainda atingiu uma outra classe de pessoas, são os chamados Bōsōzoku Style, em resumo, são carros “tunados” com o mesmo estilo arrojado dos bōsōzoku originais. Diferente dos tunings daqui, lá eles REALMENTE levam a sério essa parada, pra ter uma idéia do exagero dos caras basta dar uma olhada nas fotos abaixo.

e78c6589d2128ba80f2444fb 40b285b8659a1b9096a4-L 9046a1e700893561adcb-L

Depois de tanta testosterona, é bom saber que existem as mulheres pra dar um visual mais agradável pra todas essa parafernália motociclista.

akiba20081107-c7157

akiba20081107-c7156 akiba20081107-c7155 akiba20081107-c7158

É Nozes!

7 Comentaram...

vivoverde disse...

Nossa... belíssimo post!!

Parabéns

E que quero uma motoca destas para mim \o/ rs

@vivoverde

Bruno disse...

Esses niposts poderiam ser compilados num livro, quando atingirem uma quantidade suficiente.

BruNêra disse...

@Bruno

boa idéia cara!
agora é só juntar mais material!

Gump disse...

Prefiro as Lady's...depois que esses aí arriaram elas assumiram o comando'! Eram as gangues femininas de motocicleta japonesas que vieram logo depois! XD A gente fala um pouco delas no Animecast #46...

BruNêra disse...

Olha se não é a famosa Gump comentando no nosso humilde blog rsrssrsr...
Eu ouvi esse cast, inclusive e um dos meus preferidos, bem informativo, na verdade até penssei em falar um pouco das Ladys nesse Nipost, mas achei que ia ficar meio ctrlc/ctrlv da minha parte rsrsrsrs...
abços.

Jeh disse...

Não sei pq mas me lembrei do Harima Kenji do School Rumble. Ele se encaixaria nesse Bōsōzoku Style?

Anônimo disse...

vcs sao uns bundinhas

Postar um comentário

Mostre que é nerd e faça um comentário inteligente!

-Spams e links não relacionados ao assunto do post serão deletados;
-Caso queira deixar a URL do seu blog comente no modo OpenID (coloque a URL correta);
-Ataques pessoais de qualquer espécie não serão tolerados.
-Comentários não são para pedir parceria. Nos mande um email, caso essa seja sua intenção. Comentários pedindo parcerias serão deletados.
-Não são permitidos comentários anônimos.


Layout UsuárioCompulsivo