quarta-feira, 16 de setembro de 2009

Avatar Voz do Além

Estudantes do MIT fotografam o espaço com 150 doletas

 

800x600__150Balloon1_01

A NASA é uma das maiores comedores de dinheiro dos EUA. Começou na Guerra Fria, com a Corrida Espacial entre americanos e russos, e ainda hoje continua. Seu orçamento é maior que PIBs de países inteiros, e sua taxa de acertos e progressos é menor do que o ego de sua equipe de comunicação, que prefere esconder boa parte das coisas que ocorrem nos bastidores - além de se recusar a apontar o Hubble pra Lua para que provem que tem uma bandeira americana lá.

Mas os estudantes do MIT (os boatos de que eles me contrataram para escrever uma batelada de posts sobre eles hoje são mentirosos) provaram que certas coisas não precisam de caminhões de dinheiro para serem feitas, como fotografar o espaço. E tudo com itens simples e sem usar nenhum segredo de estado mais guardado que a virgindade da irmã do Chuck Norris.

Basicamente o feito foi o seguinte: no dia 2 de setembro, os estudantes Justin Lee e Oliver Yeh conseguiram fotografar a curva da Terra, usando um balão meteorológico, uma câmera digital usada - Canon A470, comprada na Amazon - e um cartão de memória de 8GBs. O estilo DIY não pára por aí… ao invés de comprarem algum isolamento térmico ultra-caro como os usados na NASA, eles protegeram a câmera dos -55º C do espaço usando uma caixa de isopor, igualzinha aquela que você guarda a sua cerveja naqueles churrascos loucos; além de usarem um celular pré-pago Motorola i290 GPS para receberem mensagens de texto com a localização do aparelho. O preço do conjunto? 150 dólares!

O balão flutuou até 28 Km de altitude - a um dedo do espaço - e retornou em segurança, a apenas 30 Km do local de que foi lançado. E como o conjunto pesa 800 gramas, não precisou da autorização da Administração Aérea Americana (FAA), reservada para balões com mais de 2 Kg.

#Chupa NASA!

 

500x__150Balloon4 500x__150Balloon3_01 500x__150Balloon51

[Via Gizmodo]

6 Comentaram...

napa_snz@yahoo.com.br disse...

Por que?
Talvez( ou prvavelmente o dinheiro não seja pras presquisas que els dizem estar fazendo...(O-B-V-I-O) não?

Anônimo disse...

WTF!

Ramon disse...

Ola, gostei muito da noticia mas tenho algumas observações a fazer no seu texto.
Qual o objetivo científico de apontar o hubble pra uma bandeira na lua? Me mostre se é possível uma lente do hubble observar um objeto com o tamanho de uma bandeira na lua. E quem garante que existe ainda aquela bandeira lá, naquele lugar e intacta? muito pouco provavel.
E pra que olhar uma bandeira? é só apontar um laser para um dos espelhos deixados na lua e esperar q ele seja refletido de volta, custa bem menos.

Mauro Tavares disse...

não quero defender a NASA, mas acho que pra existir esse equipamento simples de hoje foram necessarios os trilhoes que ela ja gastou em pequisas.

mas o dinheiro de hoje é gasto no controle mental da população, provavelmente.

lucas disse...

A foto ficou muito boa, para um projeto tão barato.

bazem disse...

Legal, mas só faltou um link pro site dos caras!
http://space.1337arts.com

Postar um comentário

Mostre que é nerd e faça um comentário inteligente!

-Spams e links não relacionados ao assunto do post serão deletados;
-Caso queira deixar a URL do seu blog comente no modo OpenID (coloque a URL correta);
-Ataques pessoais de qualquer espécie não serão tolerados.
-Comentários não são para pedir parceria. Nos mande um email, caso essa seja sua intenção. Comentários pedindo parcerias serão deletados.
-Não são permitidos comentários anônimos.


Layout UsuárioCompulsivo