quarta-feira, 10 de junho de 2009

Avatar Colaborador Nerd

Pancadaria na USP

Por Dolphin

 

usp

O que vou escrever merece um texto muito mais longo e detalhado, o que farei certamente o mais breve possível. Por hora preciso expor toda a minha indignação com certos fatos ocorridos ontem aqui em São Paulo. Refiro-me ao lamentável episódio ocorrido na USP entre estudantes e polícia militar, onde um protesto tomou a proporção vergonhosa digna dos tempos macabros da ditadura que esse país viveu. Não cabe aqui por hora debater as provocações dos estudantes, lembrando que estamos falando de jovens que são naturalmente propensos a defender com paixão seus ideais. A História está repleta de exemplos desse tipo de “agitadores”.

O post é para escancarar a política ditatorial do governador José Serra, um homem que já a muito vem demonstrando que é intolerante em todos os sentidos e o ocorrido ontem dentro do campus da USP só revela mais uma faceta da administração absurda desse senhor. O envio de tropas de choque para “manter a ordem” foi à coisa mais descabível, e sejamos sinceros, policiais são, em sua grande maioria, ogros que não pensam por si mesmos, como já dizia Geraldo Vandré em Para Não Dizer Que Não Falei Das Flores:

 

“Há soldados armados
Amados ou não
Quase todos perdidos
De armas na mão
Nos quartéis lhes ensinam
Uma antiga lição:
De morrer pela pátria
E viver sem razão...”

Francamente! Os caras são treinados para prender bandido! E pelo tamanho das barrigas que vejo por aqui dá para entender por que os meliantes dão olé neles! E são esses senhores despreparados em todos os sentidos e que ganham salários ridículos que são enviados para “manter a ordem”. É fácil imaginar que a USP iria se tornar um barril de pólvora, qualquer coisa que fosse dita por um estudante certamente seria considerado “desrespeito a autoridade” e serviria de motivo para a pancadaria generalizada que se transformou.

O senhor José Serra MAIS UMA VEZ nos mostra que NÃO é a pessoa certa para assumir o Palácio do Planalto em 2011. Se um contornável protesto de estudantes foi motivo para o uso da força policial, dá para imaginar o que um protesto mais acentuado irá acarretar…

21 Comentaram...

henrique disse...

Não estou querendo defender o Serra nem nada, até pq acredito que ele não tem condições de assumir o governo do país, mas sobre a atuação de policiais na usp acredito que a culpa é muito mais da reitora que autorizou a presença policial no campus desde o dia 01/06. E a polícia ontem agiu com exagero de força. Porém como não sei quem começou tudo não sei se a polícia estava de toda errada em reatacar, não sei quem começou, pois já vi versões de que os dois lados atacaram primeiro. Porém o problema começou quando a reitora autorizou a presença de policiais no campus.

Mauro Tavares disse...

perai mas isso não é por causa de uma greve de professores, o que tem a ver com estudantes, o que eles fazem lá ?

Ana Recalde disse...

Poxa, Mauro, verdade!!
Pq quando só escrevemos em blog vc diz que são apáticos que se acomodam atrás de seus computadores, e na hora que as pessoas vão correr atrás de mostrar sua opinião, não é da conta deles!!!
Fala sério, sr. Tavares, vc acredita no quê, afinal?

Mauro Tavares disse...

na minha época de movimento estudantil não apoiava greves de professores, ate mesmo pq isso so é prejuizo pros alunos, os professores não tão nem ai pra opinião, nem pra aluno, eles querem salario, sao funcionarios publicos gordos e incompetentes, é a classe media mediocre que finge ser trabalhadora.

não apoiaria uma causa que não é minha, acho que na verdade simplesmente nem existe nada na cabeça desses estudantes, ficam romantizando os tempos de "luta contra a ditadura" quando na verdade quem lutou contra a ditadura hj ta no poder fodendo eles, sem falar que eram os filhos dos militares que faziam akela palhaçada, pavimentaram sua carreira politica com esse papo furado de "caminhando contra o vento", "anos rebeldes", nunca foram trabalhadores, so queriam o poder.
se aproveitaram dos trabalhadores pra pegar a petrobras, pra ter liberdade de imprensa pra tornar o pais mediocre, pra ter vantagens e louros na academia.

isso ai é mais um piquete contra moinhos de vento e os estudantes sao massa de manobra, manipulada, acreditam que ser esquerdista é pensar por si quando na verdade é apenas um outro tipo de manipulação.

pq se recusam a ver os verdadeiros problemas do mundo.

e mais: uma manifestação que é contra a criação de cursos a distancia, uma coisa muito benefica para nosso pais que tem pessoas que moram na amazonia e gostariam muito de ter acesso a educação de qualidade, mas não tem nem estrada a menos de 500 km de distancia de suas casas é no minimo absurda.

é mais uma afirmação arrogante dos "uspianos"

87% de classe alta

Julio Garou disse...

A USP é o mair maconhódromo dessa cidade e vive de greve.
Sério,toda vez que vc passa lá tem algum campus diferente em greve, isso desde que eu me lembre por gente e antes disso tbm.
Comunista tem que levar na cabeça mesmo!

Davyd Santos disse...

Acredito que estudantes apoiando greve de professores por motivos salariais e de readmissão de funcionário demitidos deve ser classificado no mínimo de medíocre.

Isso sem contar o fato dos estudantes terem divulgado nota "de repúdio à PM por ter agido contra uma manifestação pacífica", onde os pacíficos vão pra cima de policiais atirando paus e pedras para provocá-los e ainda por cima, com muitos manifestantes embriagados. Acho que o sentido de pacífico está um pouco perdido no contexto declarado.

Lucas disse...

véi....de boa.....o post e os comentários tão fazendo criticas sem nem saber o q se passa. esse episódio naum tem nd a ver com a greve dos funcionários.

sou totalmente contra ao q estudante estão fazendo e sou contra ao q a reitora está fazendo. os policiais estão cumprindo seu dever (o Poder publico mandou eles pra lá). O Serra tem boa parte de culpa, mas nun tem nd a ver "governo opressor". Os estudantes protestam contra certas medidas q ele quer adotar com a usp; há mto tempo ele tenta implantar o ensino a distancia e os uspianos sempre conseguem barrar essa proposta.
Reitero, esse episodio naum tem nd a ver com serra ou greve; é um protesto contra a ocupação do DCE feito pela reitora.
Sou contra opressão, greve e protestos, mas me irrita mto mais quando alguem finge saber o q naum sabe. se alguem se interessar eu posso dar mais esclarecimentos (apesar de querer distancia desse tulmuto)

Thiago Fernando disse...

sem comentarios

hedoniste.male disse...

Eu posso resumir o problema em quatro letras: PSDB. Primeiro temos um senador (do PSDB) que esta metido no mensalão mineiro e quer censurar a Internet a qualquer custo. Depois temos um governador playboy (do PSDB) que censura as notícias contrárias ao seu governo. E agora para encerrar com chave de ouro temos outro governador (do PSDB) que na sua juventude já foi presidente da UNE, mandar baixar o sarrafo nos professores e estudantes de uma universidade.

Tinha me esquecido da governadora (do PSDB) de um estado do sul que esta atolada em denúncias de corrupção. Será que é coincidência?

Dolphin disse...

Engraçado quando escrevi o post esperava que ao menos os leitores do blog buscassem outras fontes de pesquisa para se cercarem de mais informações.

Vamos lá. Em primeiro lugar eu deixei bem claro que não falaria da postura dos estudantes estando eles certos ou errados, e sim somente sobre o absurdo que foi uma manifestação estudantil ser tratada de uma forma tão violenta.

Sr. Mauro Tavares seus comentários são de lamentar, na sua época de movimento estudantil blá blá blá, que época? Melhor, qual a sua profissão? Porque é fácil falar quando se cumpre uma jornada de trabalho de 8 horas diarias e ao termino do expediente sair e esquecer até o dia seguinte que a empresa existe. Agora quero ver encarar duas a três matrículas para ganhar um salário descente e sustentar a família, aguentar a falta de educação dos alunos, chegar em casa corrigir provas e preparar a aula do dia seguinte e ainda lhe dar com toda uma estrutura burocrática vindo das diretorias, ai me diz se professores "são funcionarios publicos gordos e incompetentes".

O sr. não apoia uma causa que não é sua, e quais são as suas causas? Participe-as conosco para que possamos vislumbrar mais de sua pessoa.

Quem lutou com a ditadura foram os filhos dos militares? Posso saber sua idade? Porque eu declaro a minha tranquilamente, 37 anos. Não vivi os duros anos da ditadura mas posso lhe garantir que conheço muitas e quando digo muitas, são muitas mesmos, pessoas que não eram filhinhos de papai seja militar ou não e que fizeram parte do movimento estudantil da época. Dizer que as gerações atuais romantizam a luta contra a ditadura é no mínimo um desrespeito com tantos que foram torturados ou mortos por aquele regime.

O post foi para falar do absurdo de se ter um batalhão de choque dentro de um campus universitário, não importa se é a USP ou qualquer outra, e baixar a porrada em quem vê pela frente. Quem já encarou a polícia em uma situação dessas sabe do que estou falando, mas pelo que vejo eu sou a única que já viveu essa experiência.

Faço minhas as palavras da Ana Recalde, é fácil criticar enquanto se está sentado com o traseiro em uma cadeira confortável em frente ao computador...

Já que o meu post foi feito na correria e a minha esperança naufragou ao ver ele não serviu ao menos para que mais pesquisas sobre o assunto fossem feitas, eu deixo o trabalho de casa prontinho para vocês. Boa leitura!

http://breviario.org/relances/2009/06/10/de-como-a-universidade-de-sao-paulo-se-converte-em-palco-de-desmandos/

http://tuliovianna.wordpress.com/2009/06/09/a-irresponsabilidade-de-se-mandar-policia-a-um-campus-universitario/

http://www.idelberavelar.com/

hedoniste.male disse...

Dolphin, já respondi uma vez a esse tal de Maura Tavares. A discordância é benéfica se vier com alguma contribuição mas só criticar por criticar, tô fora.

Acho que o melhor remédio pra gente assim é passar a ignorar.

Mauro Tavares disse...

sr golphin vc falou falou e nao disse nada, so se fez de vitima, isso é muito facil.
ser do senso comum tb sem perceber o enorme jogo de informaçoes em que vc é manipulado tb é facil, ainda tem gente que acredita nos mitos da midia e um deles é a ditadura militar e a esquerda brasileira, quandfo se sabe que ate fernando henrique era parente de militar e os que foram mortos e torturados na verdade tinham um plano ate pior para o pais do que os militares ( comunistas).
meu amigo as coisas nao sao preto e branco como vc pensa, com os malvados da policia de um lado e os estudantes oprimidos de outro, o movimento estudantil no brasil é curral eleitoral, so serve a isso, se fosse o pt no governo do estado ele seria ocupado pelo psdb pra fazer oposiçao e o mesmo ocorreria, a policia do pt desceria o cacete !
para quem gosta de ser manipulado e ser massa de manobra do interesse dos Grandes pode continuar, é um bom lugar, para mim nao interessa, nao sou massa de manobra nem fico me fazendo de vitima da sociedade, meu periodo de ingenuidade ja passou.

Anônimo disse...

Até quando ó Senhor?? A ditadura acabou faz trinta anos, e ainda hoje é o fantasma de todo bebezão. Ela desenvolveu o país como nunca e antes e infelizmente como NUNCA depois. O trânsito caótico, os bandidos organizados como eram as células comunistas mataram e matam MUITO MAIS que a repressão. Quem achava os milicos violentos pergunte pra quem vive debaixo de PCC, Comando Vermelho, Sem Terra...

Marcos da Silva Nunes disse...

Até a URSS comunista acabou, mas a Esquerda Festiva é invencível.

Anônimo disse...

Morra Mauro Tavares!!!

Anônimo disse...

Morra Mauro e o Anonimo acima do Sr Marcos da Silva que pode morrer tambem!!!
São realmente criticos de nada pois não conhecem a realidade, não se importam realmente em mudar nada, pois vossos traseiros estão quentes e acomodados... mas a água fria há de bater em vossas excelentíssimas bundas!!!
Viva a greve! Viva a desobediência civil!

Davyd Santos disse...

Caro Dolphin,

Li os textos que vc sugeriu e mais tantos outros. Posso agora te sugerir um? Não li todos os comentários e não acho que o texto justifique a violencia. Acho que é um ponto de vista diferente que vc deveria considerar (quando digo considerar não quero que ache um meio de se defender dele, mas sim de usá-lo como base para ver como a sociedade está vendo o caso). Segue: http://colunistas.ig.com.br/luisnassif/2009/06/11/usp-greves-e-piquetes/

irradiandoluz disse...

Muito bom!

Ignorei ou tentei ignorar todas as babaquices e palavratórios reacionário e conservador dos comentários.

NSN de parabéns pela postura revolucionária!

Bom trabalho

Abração
Gabriel Dread

vanessa disse...

eu sei que pode parecer ridículo, mas deveriam dizer de quais unidades pertencem esses estudantes manifestantes aí..

pelo o que vcs falam, parece que a USP INTEIRA está apoiando essa greve, a readmissão daquele Brandão Maldito!

só são alguns estudantes e professores da História (menos de 40% dessa faculdade). A USP é composta de mais de 10 faculdades, com cerca de 10.000 estudantes da graduação. Não é justo sujar o nome da maioria por causa de meia dúzia de idiotas que não tem o que fazer!

Anônimo disse...

[ironia on]Isso aí, vamos reprimir as minorias estudantis!! Afinal elas só servem para bagunçar mesmo!!! Morte à todos esses comunistas!! Meia dúzia de idiotas não servem para nada, só pra morrer com tiro mesmo!!![ironia off]

Como estudante que esteve lá, posso dizer que a briga não começou por culpa de ninguém, nem dos policiais, nem dos alunos. Começou porque quando se junta os dois, um lado protestando e o outro pronto para reagir, é exatamente isso que acontece, pancadaria.

Agora, essas opiniões moralistas aí...

Bom, foram essas atitudes que sustentaram a Ditaduta Militar por tanto tempo no poder. E, pode ter certeza, estamos num período de restrições à liberdade (toque de recolher no interior de SP, alguém?) e de sucateamento do ensino público.

Não importa como, não importa por quem, independente de partidos ou de opiniões políticas, criticar e não fazer nada pra mim é a mesma coisa que concordar com essa merda de país em que vivemos.

E ser de classe média e querer só pensar no próprio bolso é uma coisa, agora, querer tornar o mundo um lugar melhor é outra completamente diferente. Só as classes inferiores podem protestar, agora? Cada uma, viu...

Anônimo disse...

O Mauro é gay já comi...

Postar um comentário

Mostre que é nerd e faça um comentário inteligente!

-Spams e links não relacionados ao assunto do post serão deletados;
-Caso queira deixar a URL do seu blog comente no modo OpenID (coloque a URL correta);
-Ataques pessoais de qualquer espécie não serão tolerados.
-Comentários não são para pedir parceria. Nos mande um email, caso essa seja sua intenção. Comentários pedindo parcerias serão deletados.
-Não são permitidos comentários anônimos.


Layout UsuárioCompulsivo