segunda-feira, 15 de junho de 2009

Avatar Voz do Além

Caos pós-eleições iranianas

 

ira_protestos10

Sistemas políticos não são fáceis. Tá bom os ditatoriais são. O Irã não vive exatamente sob uma ditadura, como se prega por aí. Seu sistema político é complexo, e envolve a figura suprema do aiatolá, atualmente Ali Khamenei; e o Conselho de Guardiães, controlado por Khamenei. Tem também a atual oposição, que é representada pela figura do aiatolá Akbar Rafsanjani, que controla a Assembléia de Especialistas, que elege o novo líder supremo. Basicamente essas eleições presidenciais do Irã representaram uma queda de braço entre Khamenei e Rafsanjani, os dois mais poderosos do país. Enquanto o primeiro é conservador, o segundo é mais pragmático (e, dizem alguns, corrupto).

Tal oposição de forças pesou nos resultados. Abaixo do clero o presidente é o político mais importante, mesmo tendo suas ações supervisionadas pela estrutura listada acima. Uma reeleição de Mahmoud Ahmadinejad representaria uma vitória de Khamenei; enquanto a eleição do opositor, Hussein Mousavi, mostraria uma vitória de Rafsanjani, o número dois do país.

Mesmo com os números preliminares mostrando o inverso, Ahmadinejad ganhou. E com larga margem de votos – em torno de 75%. A oposição logo lançou a versão de que os votos foram invertidos – os de Mousavi foram para Ahmadinejad, e vice-versa. Repórteres americanos afirmaram ter apanhado nas ruas de Teerã ao tentar mostrar os protestos explosivos que se iniciavam, enquanto surgiam relatos (ainda não confirmados) da prisão pela Guarda Revolucionária de Mousavi e Rafsanjani, que se dirigiam a casa de Khamenei para pedir explicações (uma coisa parece certa: eles sumiram). A única medida restritiva tomada pelo governo que já foi apurada é a restrição do uso de SMS (logo após, todos os celulares foram bloqueados), assim como o bloqueio do acesso a redes sociais da internet; tudo supostamente visando evitar aglomerações e protestos.

Mesmo com a escassez de informações confirmadas, uma coisa é certa: nada será como antes no Irã. Os aiatolás sempre apoiaram as eleições, o que parece que não está ocorrendo dessa vez, visto Bush ter saído do poder (e Obama ter estendido o braço do diálogo), o que podia esvaziar o discurso endurecido dos conservadores. Mais pra frente, assim que houverem informações, posto aqui algumas atualizações.

Abaixo, fique com imagens dos protestos que tomaram as ruas de Teerã após a divulgação dos primeiros resultados (houveram outros em Londres e em Sidney). Clique para vê-las maior e para mais imagens, clique no primeiro link lá no final.

 

ira_protestos1 ira_protestos2 ira_protestos3 ira_protestos4 ira_protestos5 ira_protestos7 ira_protestos8 ira_protestos9 ira_protestos11

 

Imagens: Mousavi 1338 [Via Pedro Doria e Huffington Post]

22 Comentaram...

Wallisson Narciso disse...

As últimas fotos parecem ter sido tiradas do algum Residente.
Sabe, com esse resultado, até eu queria queimar uns carros. XD

Anônimo disse...

Os extremismos e radicalismos de ditaduras que se perpetuam no poder estão diretamente ligados à cultura e subserviência do povo. Ainda mais quando a religião é um dos pilares que sustentam a conjuntura política já tão conturbada de países como o Irã, Israel (porque não Israel?), Coréia do Norte, Afeganistão, Paquistão, Iraque, dentre outros. Com a possibilidade desses países passarem a contar com arsenal atômico a coisa fica ainda mais complicada.

Anônimo disse...

Olá
O Irã é um país estranho aos nossos padrões, muito diferente da realidade árabe - até pelo fato de serem persas" - mulheres não usam burka, os véus são ostentados de diferentes maneiras, ela podem trabalhar em qualquer atividade, alguns religiosos são condescendentes com a assimilação, por parte de seus jovens, de hábitos ocidentais - vestimentas, músicas, etc...)- aceitam pluralidade religiosa - com alguma discriminação leve - tendo várias sinagogas, com iranianos judeus !!!! Permitem o suo de bebidas alcoólicas, de forma reservada, para estrangeiros e por aí vai.... Um país que merece um olhar atento por todos nós.
Para finalizar permita-me corrigir um pequeno erro, um ato falho acredito eu: não existe "houveram" e sim "houve outros em Londres...)
Um grande abraço
Eduardo Zimmermann

irradiandoluz disse...

Tava esperando ver essa postagem aqui desde que os protestos eclodiram...
Muito boa...

Valeu
Gabi Dread

Anônimo disse...

Se nos podemos bagunçar o coreto por aqui,porque não por la?

Anônimo disse...

O Irão não é uma ditadura....
Será? Então como se explica que os candidatos a presidente passam por um processo de escolha pelos aiatolás?
Eles só podem votar em quem os aiatolás querem. Se isso não é uma ditadura....

Anônimo disse...

No meu caso eu nao conheço muito ou nd da cultura iraniana,como creio a maioria dos brasileiros, vejo apenas criticas, até o dia de hoje so vi uma reportagem onde me mostrava um pais muito liberal (obvio dentro da cultura islamica) diferentemente do que era apresentado pela noticias até entao recebidas dos tele ou jornais,e neste caso eu fico pensando liberdade até que ponto ja que nos EUA um policial agride fisicamente um idosa por infraçao de transito e ainda esta vai ser processada,ai neste caso eu penso o que vem liberdade... sem mais abraços

Anônimo disse...

Deve-se olhar com certa precaução as notícias a respeito do que acontece no Irã. Os EUA e Israel tem interesse direto em querer desestabilizar o governo iraniano e querem impor lá o "modelo democrático americano", a exemplo do que estão fazendo no Iraque e no Afganistão.

Anônimo disse...

É preciso respeitar o pleito que deu vitoria esmagadora c/ 75% dos votos.
Eu respeitei a segunda vitoria do lula mesmo sabendo que esta urnas podem ser manipuladas até porque não passou no congresso a lei que poderia sanar as duvidas que é o eleitor votar e receber o registro conferir e depositar numa urna que após conferencia tem que bater c/o eletronico.
Continuando digo que estou discrente nesta tal de democracia, liberdade demais tá virando baderna,

SORTEIOS DE 10.000 PARA OS ASSOCIADOS disse...

O IRA É MAIS UM PAIS ONDE O CAPITALISMO SE MANIFESTA, EXPLORANDO O INDIVIDUO, EM SUAS ATITUDES, USANDO A MENTIRA RELIGIOSA PARA MELHOR CONTROLAR AS MENTES DOS INDIVIDUOS.MAS O OBBJETIVO É O MESMO MANTER O CAPITALISMO NO PODER, NO MUNDO E NO IRÃ.NOS PAISES DITOS DEMOCRATICOS, EXISTE UM DITADURA ENCOBERTA PELA DEMOCRACIA, OS CIDADÕES ELEGEM UM GRUPO PRE- APROVADO PELOS CAPITALISTAS DE PLANTAO.POIS SABEMOS QUE O MAL ESTÁ NA EXISTENCIA DO ESTADO, SEJA ELE DEMOCRATICO, RELIGIOSO OU DITATORIAL.

Anônimo disse...

ti po q u irã eh um dos paises com alto nivel de briga entre sua população ,...
E ate mesmo esse paises (tipo irã)pode desencadear uma querra "aff"
flow valeoo aee !!

Anônimo disse...

Sempre toda revolta acontecida em países contras a políticas americanas sera relevante nas notícias; incluso rica em detalhes como para dizer que todo é culpa do governo (que os governantes americnos odeiam) Depois de cada competição eleitoral (política) há demonstrações populares de rechazo de forma normal ou até violenta pelos opositores por não serem "cultos", típico resultado de países apoiados por 2 bandos plíticos inimigos radicais e sustentados por forças "ocultas internacionais";
Se forem lá mesmo, nada de crítico se vera, pois uma maioria 65% por mais que se diga que foi usurpada, é resposta da maioria.
Estados Unidos quer acabar de forma "escondida ' com todos os seus inimigos, que não aceitaram sua vontade de domínio no governo ou nos contratos com o petróleo, por exemplo temos muitos países árabes que são entregues por troca de benefícios à aligarquia árabe e seu povo passa por uma extrema popbreza e exploração da própria raça humana. Explorar ao homem, sem deixar possibildiade de melhorar é a pior criminalidade que Estados Unids já fez na história humana, nada dificil para Deus resolver com o futuro cada vez mais fúnebre.
VICSALIN

Anônimo disse...

palavra incorreta :"houveram"

Anônimo disse...

Olá, gostaria de fazer uma observação:

Postaram acima:

"Ainda mais quando a religião é um dos pilares que sustentam a conjuntura política já tão conturbada de países como o Irã, Israel (porque não Israel?), Coréia do Norte, Afeganistão, Paquistão, Iraque, dentre outros."

Existem duas possíveis possibilidades de interpretação:

Primeira:

A conjuntura política conturbada do Irão, Israel, Coréia do Norte, Afeganistão, Paquistão, Iraque, dentre outros, ainda mais "quando" a religião é um dos pilares.

Nesse caso, estabeleceu-se uma condição, ou seja, nem todos os países com conjuntura conturbada são sustentadas pela religião como um dos pilares.

Segunda interpretação:

Quando (Quando usado para exemplificar todos os países abaixo) a religião é um dos pilares que sustentam a conjuntura política conturbada em países como Irão, Israel, Coréia do Norte, Afeganistão, Paquistão, Iraque, dentre outros.

Sendo assim, acredito que o escritor desse comentário cometeu um pequeno erro quando citou a Coréia como um país cuja religião é um dos pilares que movem a conturbada conjuntura política.

Anônimo disse...

o Irã precisa de Deus de Paz...o desequilibrio eh total nesse paiz...que horror ...
Onde o mundo vai parar com tanta violência pra tudo??? são tantos os questionamentos, que o mundo se alto pergunta´pra onde vmus desse jeito? há lugar nenhum...simplesmente!!!
eh triste

Mauro Tavares disse...

"Deve-se olhar com certa precaução as notícias a respeito do que acontece no Irã. Os EUA e Israel tem interesse direto em querer desestabilizar o governo iraniano e querem impor lá o "modelo democrático americano", a exemplo do que estão fazendo no Iraque e no Afganistão."
concoordo com isso ai, sabemos que a midia ocidental é 90 % pro israel e contra ahmadinejad

mas pelo que sei ate quarta feira não haverá mais nenhum jornalista estrangeiro no irã, os vistos foram cassados, portamnto nao teremos informações.

alguem falou ai em cima que os canditados sao escolhidos, mas aki tb, pra ser candidato precisa ser aprovado pela camara se não me engano.
o problema mesmo que nos interessa é a posiçaõ de ahmadinejad com relação a proposta do Obama de dialogar, se ele não quiser então os palestinos que se fodem pq israel vai ter desculpa pra fazer muito horrorshow !

Ana Recalde disse...

candidato escolhido pela camara?? Da onde tu tirou isso??
Os partidos podem escolher suas legendas sim, mas é uma questão de representação, não passa por uma cúpula de poder necessariamente.

Ludista disse...

A proposta deste blog sempre foi que fosse feito comentários inteligentes...

Farei um comentário não-burro: acho que alguns deveriam deixar de lado o iatolá do pré-conceito e saber o que está falando e opinando. Wikipédia possui informações suficientes para não falar bobagem, pessoal. tá bem completo, explica té as instituições políticas e religiosas, só não fala da força da sociedade civil. Sociedade civil que com apoio religioso de Khomeini, derrubou o antigo regime... Não o contrário.

Viva a educação no Brasil! quase ninguem sabe algo com total certeza, mas sempre tem uma opinião ou um comentário torto...

Anônimo disse...

EU ESTOU REALMENTE CANSADO DA FORMA QUE A NOTÍCIA É MAQUIADA PELOS NOSSOS JORNALISTAS, O ATUAL GOVERNO IRANIANO SOFRE CRÍTICAS GRATUITAS E TOTALMENTE DESPROVIDAS DE CONSCISTÊNCIA QUASE TODOS OS DIAS, VÁRIAS MEIAS VERDADES (REPAREM AS FOTOGRAFIAS DOS PROTESTOS). A IMPRESSÃO QUE TENHO É DE QUE A NOSSA IMPRENSA ESTÁ A SERVIÇO DO ESTADO SIONISTA JUDEU E DOS EUA, MAS POR QUÊ?

Renan disse...

O Irã é um país desconhecido para nós brasileiro, entender as notícias que vem de lá exige mais esforço e boa vontade afim de se fazer uma crítica pertinente. Apesar do estado teocrático, (o qual tenho muitas críticas pessoais a fazer) o Irã não é uma ditadura, tão pouco um país atrasado em todos os aspectos como é comumente apresentado pela mídia. As manifestações dos opositores do governo mostram que as políticas praticadas pelo estado iraniano não correspondem ao que pensa toda sua população.

Mauro Tavares disse...

Ana eu acho que me expressei mal, não dizer que a cadidatura no Brasil é escolhida, eu sim que tem de ser aprovada, e é pelo TJE se não me engano.

se não fosse assim haveria milhares de gaiatos querendo "ser presidente"...

Anônimo disse...

É muito cansativo mesmo !!! Cada idiotice que se posta ... Bem, todos nós somos culpados, não é mesmo? Olhem um pouco para dentro de nosso próprio país. O Irã, Iraque, Coréia do Norte, Afeganistão, etc., etc. São mundos que desconhecemos e não nos dizem respeito. A não ser que nos mandem, por qualquer motivo, uma bomba atômica em cima de nossas cabeças. Nosso problema está aqui e se chama BRASIL !!! Quem realmente está satisfeito com a nossa carga tributária? Com uma das gasolinas mais caras do mundo? Com um congresso inepto e corrupto? Com uma saúde, educação, segurança e habitação que beiram o caos? E ainda, infelizes que somos, atribuímos índices de satisfação para o atual presidente de mais de 70% !!! QUE PAÍS É ESSE ??? Vou ficar me preocupando com o Irã ????????

Postar um comentário

Mostre que é nerd e faça um comentário inteligente!

-Spams e links não relacionados ao assunto do post serão deletados;
-Caso queira deixar a URL do seu blog comente no modo OpenID (coloque a URL correta);
-Ataques pessoais de qualquer espécie não serão tolerados.
-Comentários não são para pedir parceria. Nos mande um email, caso essa seja sua intenção. Comentários pedindo parcerias serão deletados.
-Não são permitidos comentários anônimos.


Layout UsuárioCompulsivo