terça-feira, 9 de março de 2010

Avatar Colaborador Nerd

Deficiente visual fecha Ocarina Of Time

Por Beatriz Paz, do We Are All Evil Inside

 

clip_image002

Todo bom nerd joga videogame, certo?! E todo mundo que joga videogame tem vontade de jogar o controle na parede certas horas porque, ou não consegue passar de certo chefão ou não consegue decifrar certo enigma. Pois bem, o canadense Jordan Verner deu um hadukken em todos nós.

Cego desde o nascimento, o sonho de Jordan era o de fechar a primeira versão de Zelda para Nintendo 64, o Ocarina Of time. Determinado a realizar esse sonho, o adolescente postou na internet sua meta procurando por pessoas que estivessem dispostas a ajudá-lo e que adorassem o jogo.

Não demorou muito para que o americano Roy Williams e outros jogadores desenvolvessem um manual com mais de 100 mil caracteres que descrevia cada movimento que eles faziam enquanto jogavam. Para isso, tiveram que vendar os olhos e anotar cada passo dado. Tudo para ajudar uma pessoa, certo?! Eu imagino a trabalheira que eles não tiveram...

Assim que o guia foi terminado, o que demorou cerca de dois anos, Verner o transferiu para um software que transforma texto em voz, e assim o jovem realizou o seu sonho e fechou Ocarina Of Time. Todos os vídeos podem ser encontrados no YouTube, há também vídeos para o Pokémon Platinum e Castlevania: Circle of the Moon.

 

image

Agora, toda a vez que você sair xingando até a mãe porque não consegue passar daquela fase “dificílima” ou não consegue matar aquele chefão que apela até pro poder de deus(quando ele não é o próprio deus como é o caso de Bayonetta), pense que existem pessoas como Jordan Verner. Eu tenho certeza de que os seus problemas no jogo, não são realmente problemas ;D

 

[Via Switched]

7 Comentaram...

Anônimo disse...

É uma grande lição de vida, não só por parte de Jordan como das pessoas que o ajudaram.

Gringo disse...

Isso me lembra Stevie Wonder pedindo no Spike Video Game Awards que se desenvolvam video games acessíveis a deficientes visuais.

Cegos possuem vontade e direito de jogar como qualquer outro nerd.

Panthro Samah disse...

Demoraram pra fazer vídeo-games inclusivos. Mas o meu problema nem é enxergar, é coordenação motora mesmo. Por isso que sempre preferi jogos com turnos, como Final Fantasy ou Fallout.

thanatoso disse...

Já joguei alguns jogos feitos para deficientes visuais. Tinham vários estilos incluindo corrida e eram totalmente narrados. Mas nenhum se destacava e eram bem difíceis de achar.
Mas foi uma experiência interessante (mesmo eu olhando para a tela preta como se estivesse vendo o que acontecia).

Velho da Montanha disse...

é uma prova que nerdismo é uma deficiencia grave

Joelma Alves disse...

É uma lição msm.Vou pensar melhor qnd quiser quebrar um controle por não conseguir passar por um chefão!

ivellys disse...

po,mais ai não vale, se os caras descrevem cada passo do jogo pra ele então ele tava usando detonado!!!!=D
brincadeiras a parte é uma verdadeira lição de vida!!!!!

Postar um comentário

Mostre que é nerd e faça um comentário inteligente!

-Spams e links não relacionados ao assunto do post serão deletados;
-Caso queira deixar a URL do seu blog comente no modo OpenID (coloque a URL correta);
-Ataques pessoais de qualquer espécie não serão tolerados.
-Comentários não são para pedir parceria. Nos mande um email, caso essa seja sua intenção. Comentários pedindo parcerias serão deletados.
-Não são permitidos comentários anônimos.


Layout UsuárioCompulsivo