terça-feira, 1 de junho de 2010

Avatar Beatriz Paz

Desafio Guro NSN! - We have a winner!

 

image

Oie! Aproveitando a onda de celebrações e de resultados de promoções em geral, eu, Beatriz Paz, venho lhes anunciar o mangá ganhador do meu primeiro desafio da série:

 

Os Desafios Super Maneiros da Bia!

Vamos lá! Primeiro, eu gostaria de parabenizar todos vocês que participaram e se empenharam em me sugerir o mangá mais bizarro e guro que vocês tinham conhecimento Segundo, eu gostaria de pedir desculpa pela demora em dar o resultado. Vocês se empolgaram – o que é ótimo – e, pra ajudar, eu sou uma mascote universitária com pouco tempo e creio que uma boa parte de vocês leitores devem entender a minha situação. Ainda mais com as provas chegando.

Mas não falemos de coisas chatas e sim do vencedor! Galera, como eu havia dito no post sobre o Desafio, só os mangás sugeridos no post sobre Tokyo Akazukin seriam aceitos. Por isso, eu mando aqui a dica, leiam os posts até o final pra que não aconteça de novo. Eu vi que foram sugeridos filmes, mas o desafio valia somente pra mangás, e que as sugestões foram postadas no post errado também. Prestem mais atenção da próxima vez, OK?

Terceiro, eu adorei o fato de eu ver 22 comentários! Muito obrigado mesmo pessoal por terem se engajado numa idéia tão boba quanto a minha, mas mesmo assim eu agradeço e espero ver essa animação no desafio seguinte! Avante bravos cavaleiros de bronze! Vocês não tem noção do quão feliz eu fiquei de ver que vocês gostaram e participaram dessa minha mais nova estripulia nerd/otaku da vez. Muito obrigada mesmo!

Quarto, parabéns pelas ótimas sugestões! Olha, devo dizer que eleger o vencedor não foi nada fácil. Não pelo conteúdo dos mangás que eu tive que ler, mas sim pelo fato de eu ter que escolher entre grandes autores, como o mestre do terror Hideshi Hino, com a sua obra Panorama do Inferno, sugerido pelo Iziqgabriel, ou Gyo e Uzumaki, de Junji Ito, sugeridas pelos leitores Andrei Sisto Sexto. Ah sim, sem falar de Shintaro Kago, também sugerido pelo Andrei. Parabéns pessoinhas, me deram um trabalho danado mas eu finalmente consegui!

E agora, sem mais lenga lenga! Senhoras, senhores, indecisos, ladies gaga, otakus, otomes, gafanhotos e padawans! O vencedor do Desafio Guro NSN! foi...

Ero Guro de Suehiro Maruo! Sugestão do leitor Jardelstar, parabéns!

 

clip_image002

E como foi o prometido, aqui vai a foto e a resenha:

 

clip_image004

Ero Guro

Quando sugeriram essa obra pra mim, eu sabia mais ou menos o que estava a minha espera. Não porque o tema do desafio era relacionado ao Guro – abreviação da palavra Gurotesque, que na língua das terras brasileiras seria “grotesco”,- mas sim pelo fato de que, quando eu estava procurando o mangá para baixar, acabei lendo comentários do tipo:

 

Ero-Guro não é para qualquer leitor. As situações mostradas nos quadrinhos de Suehiro Maruo podem causar diversos tipos de sentimentos negativos, da repulsa ao ódio”

“Nas páginas de Ero-Guro está um repertório que inclui sodomia, coprofilia, onanismo, canibalismo, pedofilia, zoofilia, voyeurismo, flagelação; enfim, tudo. Não faltam recados para o leitor menos ingênuo”

E realmente, se você já se sente incomodado ao ver uma mísera gotinha de sangue em qualquer mangá ou já acha nojento aquela bolha de meleca satiricamente desenhada na cara de personagens que estão dormindo, aqui vai o aviso: SE AFASTE DE ERO GURO E VÁ LER UMA COISA SAUDÁVEL. Se bem que os leitores desse texto não são tão sensíveis assim.

A obra de Suehiro contém nove histórias diferentes e é só de ver o título de algumas, como Sopa de Merda ou O grande masturbador, que você pensa duas vezes em ler enquanto almoça ou faz um lanchinho. Mas tudo pelos leitores e pela curiosidade não é mesmo? Me muni de coragem e comecei a adentrar no mundo, no mínimo, nonsense e perturbado de Maruo. O interessante de tudo é que apesar do terror visual, você se sente psicologicamente incomodado com a perversidade contida nas histórias, com o quão baixo o ser humano pode ser, e o quão nojento também.

Vou fazer só um breve comentário sobre a história que eu mais gostei, Voyeur no sótão, que tem como enredo um garoto que espiava a vizinha grávida. A mesma, sem saber o que fazer com o bebê, força o parto, quebra o pescoço da criança e despeja o corpo no sótão. Se eu contar mais eu estrago o conto, então fica por sua conta e risco descobrir o que acontece no final.

O que me atraiu nessa história foi que esse fato infelizmente é comum, quem não se lembra das reportagens sobre as mães que abandonavam recém nascidos no lixo ou os embalavam em sacos plásticos e os jogavam em lagos, por não saberem o que fazer com as crianças? Suehiro dá a dica em uma outra obra de sua autoria, essa foi sugerida pela leitora Carla – mulherada marcando presença, gostei de ver! -, chamada DDT: Como desenhar um bom mangá erótico. Use cenas do dia a dia.

 

Ultra Gash Inferno - Shit Soup p61

Agora, uma outra coisa que chama a atenção em Ero Guro é o forte contraste entre o estilo de desenho de Suehiro e o conteúdo de suas ilustrações. É um traço delicado e sutil, que lembra muito o das antigas pinturas japonesas feitas em blocos de madeira - o Ukiyo - e que retratavam um mundo etéreo com gueixas, samurais e elementos do teatro. No entanto, Suehiro retrata na verdade o Muzan - que é uma variante do Ukiyo - e que mostra cenas de atrocidades, mesmo porque a palavra Muzan significa crueldade ou sangue frio - e teve algumas de suas obras expostas num livro lançado no Japão em 1988, intitulado Ukiyo-e Sangrento, junto de Getsuoka e Tsukioka Yoshitoshi, artistas referência do gênero no século 19.

Uma outra forte característica de Maruo são as influências e referências à arte e à celebridades. O grande masturbador é o nome de um quadro do pintor surrealista Salvador Dali - sabe aquele quadro em que os relógios estão derretendo? Então, é dele. Uma Temporada no Inferno é o título de um livro escrito por Rimbaud e uma das personagens, na obra de Maruo, é descrita como uma pequena Audrey Hepburn.

Em Ero Guro os fetiches mais escatológicos e bizarros são usados. A humilhação e a Chuva Dourada – beber xixi - é o favorito de Suehiro, fora o fato de quase todos os personagens homens terem algum tipo de machucado ou algum curativo na região da cabeça. Pessoas deformadas, sexo com velhos decrépitos, lamber globos oculares, nadar em fossas, comer fezes, realizar amputações em geral… fora o estupro, violência e a insanidade; são algumas características e ações dos personagens de Maruo.

Pelo fato do traço ser muito delicado e sutil, não há uma quantidade grande de detalhes o que, eu acho, dá uma aliviada na carga geral do mangá. Mas te aviso que é um alívio quase mínimo, pois a sensação de incômodo permanece lá. Como eu já disse uns parágrafos acima, além do terror físico, você se sente incomodado e nauseado psicologicamente, seja com as situações de pressão psicológica, seja com a falta de sentido dentro da história. Como em Sopa de Merda em que, de uma Chuva Dourada dupla, os três personagens aparecem num vagão correndo por um trilho em direção a um precipício.

As obras de Maruo se encaixam na categoria Erótica e Grotesca, e vão te fazer pensar nelas por um bom tempo, mesmo você não querendo isso. Por isso, espere por cenas de sexo no mínimo bizarras. Ah sim, nessa história acima, eu li um relato do próprio Suehiro que me deixou no mínimo impressionada, e como eu sou uma autora que gosta de provocar os meus leitores lindos, vou postá-lo aqui pra vocês:

 

“Durante a minha infãncia eu tive a chance de provar merda. Claro que foi a minha. O poeta francês Jean Genet escreveu: “Sujeira detesta sujeira” Genioso. Quando eu era uma criança e queria ir ao banheiro, eu ia pra casa – mesmo se eu estivesse brincando na casa do vizinho. Mesmo agora, eu não consigo ir no banheiro da estação ou no banheiro do parque. Enfim, sobre o gosto daquela merda, é mais amarga do que fedida. Se você acha que eu estou mentido, prove você mesmo”

 

Ultra Gash Inferno - Raven of Oedipus p096

Ero Guro ganhou com louvor o Desafio Guro, espero que a minha escolha tenha agradado a todos e que essa idéia de desafio também tenha sido bem divertida, porque eu adorei. E fiquem espertos, a qualquer momento a segunda parte dos “Desafios Super Maneiros da Bia!” pode ter início!

 

Ero Guro

Autor: Suehiro Maruo

Páginas: 225

Nota: 10

 

Site Oficial do Autor  - só pra quem tem o programa que converte kanji.

Créditos das citações: 1 & 2

10 Comentaram...

Synthzoid disse...

Existe dois mangás guros do Waita Uziga que me chamaram bastante a atenção, o primeiro é Mai-chan's Daily Life, que fala sobre uma empregada moe que simplesmente não pode morrer e é submetida a todo tipo de abuso, vale notar que neste existem altas doses de humor negro e algumas cenas que beiram o mal gosto.

Outro, cujo a proposta é bem mais interessante, é o "True Modern Stories of the Bizarre", é uma série de contos inspirados em acontecimentos reais - mais ou menos como dito no seu post - uma das história, inclusive, é sobre a Junko Furuta.

existe um negócio chamado gurochan.net, um site repleto de material sobre este gênero.

btw, ótimo post.

Aleatório disse...

Bem, eu sou uma pessoa que não costuma se incomodar muito com qualquer coisa que me aparece na internet, acho que será interessante ler esse mangá, assim que chegar as férias eu vou dar uma olhada.

Eu fiquei triste por Puni Puni Poemy não ter ganho,mas comparado pela descrição desse mangá, ele não teria chances...

Quando que haverá outra competição dessas?

Carla disse...

Ah eu sugeri o Maruo tbm, mas o DDT é meio difícil de achar. Definitivamente, não tinha como Suehiro Maruo não ganhar, mas prefiro o Vampiro que Ri e o Paraíso: o sorriso do vampiro que tem um clima bem de filme de terror.

Jardelstar disse...

Opa, desculpa aí, Galera, MAs fuiEU QUE GANHEIIIIIIIIIIIII
êêêêêêêêeêê^^e
SOLTA FOGUETES


MAs tipo, tive que ler muita coisa e por fim, um amigo trouxe este lá de brasilia pra mim. Merecidamente merece o priemiro lugar


Abraços
e Muito Orbigado, BIa!

Andrei disse...

Não ganhei, mas estou no post xD.

Realmente Eroguro é muito bom, estava procurando um novo manga neste estilo.

R.R.Dias disse...

Eu li esse mangá há um tempo e iria indicá-lo, mas fiquei com preguiça.

Eu ia na livraria pra ficar lendo os gibis que não iria comprar. Um dia tive a infelicidade de pegar esse, jurando que já tinha visto tudo e que nada iria me chocar.

Foi uma experiência extreamente desconfortável e até traumática. Lembro que não li até o fim e fiquei coisa de duas semanas me lembrando fortemente daquilo. Hoje tenho repulsa ao título, e nem me passa a idéia de abrí-lo (evitei ler seu post, inclusive).

Considero então que o autor conseguiu o que queria, o que não é um mérito desprezível. Seu desenho é lindo, li também um título seu mais light, com vampiros. Esse não foi traumatizante.

Egberto disse...

Então foi ele que ganhou!
E eu pensava que era eu!

Porque esses dias,o NSN publicou uma máteria sobre Battle Royale,um mangá que eu tinha colocado nos comentários o Desafio,e nessa matéria eles até me parabenizaram,eu e o Duglas(outro cara que colocou o Battle Royale)E essa matéria foi bem no dia do meu aniversário,então queria que da próxima vez explicassem.

E outra tenho só 12 anos,e vi battle Royale,e to doido pra esse Ero Guro!

E que venha outro desafio!

Johna disse...

Olá, eu gostei que Eroguro ganhou, apesar de ser um manga beeeeeeem passado pra quem curte guro. Tão passado que tem em português! huahuahu
Suehiro é o autor de mais bom gosto que eu conheço do ramo.

Synthzoid comentou sobre Uziga Waita, ele tem os contos mais fortes que já vi, principalmente sendo mulher, ver mulheres se tornando privadas com peito não é algo muito agradável. Mas o humor dele é tão ridiculamente sádico, que no final das histórias vc dá até uma risadinha. A história "Mr. Sarubato's Rowdy Classroom" é até engraçada pelo exagero contando sobre um professor bizarramente rigoroso com seus alunos, esse pelo menos não tem meninas abusadas ahuhua.

Infelizmente não estava aqui para sugerir e "concorrer", mas acho Suehiro bem levinho comparado a meninas desmembradas, estupradas e comidas vivas do Uziga Waita. Sugiro ler Bizarre Picture Book do Uziga, são pequenas oneshots que te fazem ter receio de ver outras obras huauha. Mas vale pelo conhecimento.

Gurochan é realmente um site legal pra descobrir bizarrices, pena que tem muito fanmade, mas foi lá que conheci Maruo, Waita e Kago.

[continua no próx. comentário pq fiquei empolgada]

Johna disse...

Não é coisa de macho, mas conhece guro yaoi? São raros, mas são gratificantes haha. Maki Murakami (autora de Gravitation) fez o guro yaoi mais pesado da Terra (nem conheço todos hhauhua), que é o oneshot doujinshi de Kanpai! chamado Unapai, com direito a corte na barriga e "ah, deixa eu encontrar meu pinto dentro de suas entranhas". Bem legal, bem explícito, incluindo desmembramentos e tiro na bunda. hauuhaua

E tem a Akiba Oze que faz yaoi bizarro com guro com direito a meninos esfaqueados e menino estuprado por monges entre outras bizarrices.

Agora vc deve pensar: Caralho, tem mulher que fica pesquisando guro que nem idiota! Poizé poizé...

Johna disse...

depois disso tudo, descubro que estou 2 anos atrasada eeeeeeeeeeeeeeeeeeeee /o/

amigos atrasados me mostram coisas antigas -_-" auhhauhau mas valeu pelo desabafo de informação que ninguém queria ouvir. o/

Postar um comentário

Mostre que é nerd e faça um comentário inteligente!

-Spams e links não relacionados ao assunto do post serão deletados;
-Caso queira deixar a URL do seu blog comente no modo OpenID (coloque a URL correta);
-Ataques pessoais de qualquer espécie não serão tolerados.
-Comentários não são para pedir parceria. Nos mande um email, caso essa seja sua intenção. Comentários pedindo parcerias serão deletados.
-Não são permitidos comentários anônimos.


Layout UsuárioCompulsivo