segunda-feira, 9 de maio de 2011

Avatar FiliPêra

Inutaoshi - no Japão dos Samurais

 

Capa

História do Japão sempre é assunto que fascina muitos, seja com relatos de heroísmo e honra dos Samurais - que ganharam quadrinhos do naipe de Lobo Solitário, uma obra prima absoluta da cultura pop -, seja com contos mais modernos, como a adaptação do modo de vida japonês a modernidade ocidental, ao mesmo tempo que mantém suas raízes culturais e sociológicas.

O que nos leva a obra Inutaoshi - A presa do lobo, escrita por Robson Pacheco com o pseudônimo R. A. M. P., que ajudaremos a divulgar no NSN nos próximos meses. A obra foi finalista do Prêmio SESC de Literatura 2009, e com um lançamento independente o autor busca alcançar visibilidade no complicado mercado editorial brasileiro.

Tudo começou com pesquisas realizadas sobre cultura japonesa realizadas por Robson.

Durante três anos investi meu tempo e dedicação para a conclusão de um projeto pessoal, até finalmente completar um romance baseado em uma longa pesquisa sobre a civilização medieval japonesa, contextualizado no século XI.

Durante minhas pesquisas, encontrei dados históricos sobre alguns personagens com grande força no folclore japonês e decidi utilizá-los misturando suas façanhas com personagens e fatos fictícios, atitude abordada por vários autores premiados que admiro e, para mim, são referências, como: Bernard Cornwell, Conn Iggulden, Willian Napier e Steven Pressfield, dentre tantos outros.

Procurando enriquecer o livro, traços da cultura japonesa, que tanto se contrasta com a nossa cultura ocidental, foram utilizados. Nesse mesmo intuito, um glossário com termos japoneses e uma rica nota histórica também estão inclusos.

 

Shikuzaa Ushiwaka

Clique para ver as artes maiores

O resultado dessas pesquisas é justamente o romance Inutaoshi, que assim como manda a cartilha de romances históricos recentes, mistura o real com ficcional, como escreve Robson em um pequeno prefácio, que ainda serve para descrever a trama, que como era de se esperar, trata de disputas sangrentas envolvendo honrados conflitos de espadas:

“Às vezes os fatos históricos são bem mais impressionantes do que a ficção. Durante séculos, em locais e épocas diferentes, grandes guerreiros cometeram atos de bravura e os seus nomes se imortalizaram na história, resistindo ao tempo.

Mas, não é só pelo afeto à história que decidi escrever esse livro e sim a minha admiração por qualidades como a coragem, a honra e a perseverança que me incentivou a dedicar infindáveis horas de trabalho para a conclusão dessa obra. Sem querer me alongar nesse texto introdutório, termino minhas palavras e espero que a sua leitura possa ser tão prazerosa quanto foi a minha experiência em escrevê-la”.

A nossa aventura se encontra no início do shogunato de Kamakura, a conturbada era medieval japonesa. A escolha do período Kamakura aconteceu porque nessa época sucedeu a consolidação da política dos samurais e também porque nessa época viveu um dos mais famosos heróis da história nipônica: Minamoto no Yoshitsune.

Após perder toda a sua família de uma forma trágica, Enokami vê sua vida se transformar drasticamente e só encontra na vingança um meio de seguir em frente. Seu inimigo é Yoritomo, chefe do Clã Minamoto e um dos líderes mais poderosos do Japão Medieval. Uma rixa de sangue que só terminará com o julgamento das suas espadas.

 

O livro possui 287 páginas, e será vendido em dois formatos: físico e digital. O preço é um pouco elevado devido a baixa tiragem e a ausência de uma grande editora por trás do lançamento. Mais detalhes no link abaixo:

Versão impressa custa R$ 46,17 | Versão digital (PDF): R$ 15,68

 

Abaixo é possível ver um trailer do livro. Em breve uma resenha dele aqui no NSN, acompanhada de uma promoção que dará um exemplar do livro ao ganhador.

3 Comentaram...

Rápido disse...

Ótima pedida, sempre olho com carinho o que vem do Japão, principalmente livros sobre períodos históricos passados. Agora fiquei curioso com algo no seu texto, Filipêra: Robson Pacheco e Rodrigo são a mesma pessoa, o autor? Foi algum errinho ou são pessoas diferentes que trabalharam neste projeto?

Bom início de semana, rapá.

R.A.M.P. disse...

Olá,
Queria uma ajudinha... ☺
Meu livro (INUTAOSHI) foi recém lançado e está concorrendo em um concurso literário no site www.clubedeautores.com.br . Para chegar na próxima fase, precisará de muitos votos! Para votar é só acessar a página http://www.clubedeautores.com.br/book/42848--INUTAOSHI clicar em uma medalhinha do canto superior da página e escolher uma nota, de 1 a 5, para a sinopse.
Ficaria muito feliz com a sua ajuda!!!
Desde já, muito Obrigado
Para quem ainda não conhece:
O livro é um romance sobre a sociedade medieval japonesa e está disponível para venda somente pelo site: http://www.clubedeautores.com.br/book/42848--INUTAOSHI . O mesmo pode ser comprado impresso ou no formato digital Ebook (para leitura digital). O Título da obra é “INUTAOSHI - A presa do lobo” e eu registrei o pseudônimo R. A. M. P. (minhas iniciais) como o autor da obra. O preço do livro impresso é R$: 46,00 e do livro digital Ebook é R$: 15,00. Esse livro foi um dos finalistas do Prêmio SESC de Literatura 2009. O mercado editorial brasileiro está longe de ser uma opção para escritores iniciantes e só aposta em obras que apresentam uma tiragem mínima no mercado. Dessa forma, resolvi apostar por conta própria em meu objetivo de conquistar visibilidade.
TRAILER:
http://www.youtube.com/watch?v=BWTIuk2L7cU
SINOPSE:
Durante três anos investi meu tempo e dedicação para a conclusão de um projeto pessoal, até finalmente completar um romance baseado em uma longa pesquisa sobre a civilização medieval japonesa, contextualizado no século XI. Durante minhas pesquisas, encontrei dados históricos sobre alguns personagens com grande força no folclore japonês e decidi utilizá-los misturando suas façanhas com personagens e fatos fictícios, atitude abordada por vários autores premiados que admiro e, para mim, são referências, como: Bernard Cornwell, Conn Iggulden, Willian Napier e Steven Pressfield, dentre tantos outros. Procurando enriquecer o livro, traços da cultura japonesa, que tanto se contrasta com a nossa cultura ocidental, foram utilizados. Nesse mesmo intuito, um glossário com termos japoneses e uma rica nota histórica também estão inclusos.
A nossa aventura se encontra no início do shogunato de Kamakura, a conturbada era medieval japonesa. – A escolha do período Kamakura aconteceu porque nessa época sucedeu a consolidação da política dos samurais e também porque nessa época viveu um dos mais famosos heróis da história nipônica: Minamoto no Yoshitsune. – Após perder toda a sua família de uma forma trágica, Enokami vê sua vida se transformar drasticamente e só encontra na vingança um meio de seguir em frente. Seu inimigo é Yoritomo, chefe do Clã Minamoto e um dos líderes mais poderosos do Japão Medieval. Uma rixa de sangue que só terminará com o julgamento das suas espadas.
Às vezes os fatos históricos são bem mais impressionantes do que a ficção. Durante séculos, em locais e épocas diferentes, grandes guerreiros cometeram atos de bravura e os seus nomes se imortalizaram na história, resistindo ao tempo. Mas, não é só pelo afeto à história que decidi escrever esse livro e sim a minha admiração por qualidades como a coragem, a honra e a perseverança que me incentivou a dedicar infindáveis horas de trabalho para a conclusão dessa obra. Sem querer me alongar nesse texto introdutório, termino minhas palavras e espero que a sua leitura possa ser tão prazerosa quanto foi a minha experiência em escrevê-la.
“O destino é inexorável!”
Atenciosamente:
Robson André Mendes Pacheco

Blogger disse...

QUANTUM BINARY SIGNALS

Get professional trading signals sent to your cell phone every day.

Follow our signals right now & make up to 270% a day.

Postar um comentário

Mostre que é nerd e faça um comentário inteligente!

-Spams e links não relacionados ao assunto do post serão deletados;
-Caso queira deixar a URL do seu blog comente no modo OpenID (coloque a URL correta);
-Ataques pessoais de qualquer espécie não serão tolerados.
-Comentários não são para pedir parceria. Nos mande um email, caso essa seja sua intenção. Comentários pedindo parcerias serão deletados.
-Não são permitidos comentários anônimos.


Layout UsuárioCompulsivo